sexta-feira, janeiro 21, 2011

Rewind

Ser

Ser como um beijo,
Nascer no meu desejo,
Morrer nos teus lábios…
Ser como um sentimento
Que se sente cá dentro
E não mais volta a sair…
Ser como a vida,
Um grito rebelde,
O princípio do fim…

Sem comentários: