sábado, março 03, 2012

Umas notas

Em relação ao clássico só algumas notas. Javi Garcia conseguiu acabar sem ver o cartão amarelo (?!) depois de entradas duras (quase todas) e joelhadas na cabeça de jogadores do FC Porto.

No lance do segundo golo do Porto Witsel não sofre qualquer falta de Maicon (como dizem) enquanto o livre que deu origem ao segundo golo do Benfica não existe porque Djalma não fez falta sobre Gaitán.

Maxi Pereira deveria ter sido expulso no último lance do jogo. Foi poupado. Para além de tudo isto, o jogo foi bom e qualquer uma das equipas poderia ter vencido. Calhou ao FC Porto que ontem (pelas substituições do treinador) mostrou maior ambição que o Benfica.

Em vez de se falar no jogo pelo seu todo, prefere falar-se apenas num lance em que um fora-de-jogo milimétrico não foi assinalado. Estava fora-de-jogo mas isso também não explica ou justifica tudo.

Sem comentários: