sábado, fevereiro 18, 2006

Ser

Ser como um beijo
Nascer no meu desejo
Morrer nos teus lábios...
Ser como um sentimento
Que se sente cá dentro
E não mais volta a sair...
Ser como a vida,
Um grito rebelde
O princípio do fim.

1 comentário:

vieria2000 disse...

tás mesmo "crescido".