terça-feira, abril 24, 2012

Os pensamentos intraduzíveis

"É sabido que comboios completos de pensamento atravessam instantaneamente as nossas cabeças, na forma de certos sentimentos, sem tradução para a linguagem humana, menos ainda para uma linguagem literária... porque muitos dos nossos sentimentos, quando traduzidos numa linguagem simples, parecem completamente sem sentido. Essa é a razão pela qual eles nunca chegam a entrar no mundo, no entanto toda a gente os tem."

Fiodor Dostoievski

1 comentário:

Anónimo disse...

Ainda bem que existem os pensamentos... e passá-los para o papel é difícil... diria mesmo uma arte... e ainda bem que há pessoas que têm esse dom de aproximarem os pensamentos da realidade através das palavras.