segunda-feira, dezembro 26, 2011

Puzzle

Não escolhemos tudo conforme queremos. Antes começamos por desatar o nó da pluralidade de sugestões que se nos apresentam. Como abrir uma caixa bem funda, meter lá a mão e ir tirando uma a uma, todas as peças lá contidas. Que têm um lugar, único, onde encaixam. Tal e qual como um puzzle.

Sem comentários: