segunda-feira, julho 04, 2011

...

Hoje estou capaz de sentir saudades de tudo e mais alguma coisa. Mesmo das trivialidades da vida. Banal. Puramente banal. É assim...

Sem comentários: