sexta-feira, agosto 22, 2008

Uma ideia

«Mais de uma centena de jornalistas espanhóis decidiram reinvindicar o direito a "ter vida privada além da profissão", subscrevendo um manifesto a favor da conciliação da vida laboral e familiar dos profissionais da comunicação social.

No centro das reinvindicações encontra-se o pedido para que, sempre que não haja um carácter extraordinário, não sejam realizadas conferências de imprensa depois das 18 horas pois a sua cobertura implica um "esforço adicional" para os redactores que se vêem obrigados a regressar a casa muito depois do trabalhador comum».

In Jornal de Negócios, 11/08/08

Sem dúvida uma boa ideia. Mas eu já ficava contente que todos os actos públicos começassem à hora marcada. Era um começo...

2 comentários:

Jorge Rita disse...

e por cá o «até ás 18 horas» já implicaria o atraso do costume???

Bruno Marques disse...

Acho que sim...