quinta-feira, março 26, 2009

Despedidas

As despedidas são uma coisa terrível. Principalmente quando nos despedimos de alguém que não sabemos quando vamos ver pela próxima vez. Ficam sempre os sorrisos amarelos, as lágrimas pendentes nos olhos ou os gestos sem jeito.

E depois nunca sabemos que palavras utilizar. Um "até amanhã" é enganador e um "até breve" é demasiado vago. Gosto do "até qualquer dia", mas continua a ser muito pouco objectivo.

As despedidas são tramadas. Não gosto de me despedir de quem quer que seja. Mas acho que na vida estamos sempre a despedirmo-nos de alguém. Mesmo sem sabermos...

1 comentário:

Anónimo disse...

Nunca esquecer que uma despedida significa uma mudança de vida e isso nunca é mau. Por outro lado significa o possível retorno e a alegria que disso surge.