terça-feira, maio 13, 2008

A girar

O tempo passa mesmo a correr. Aliás, acho que a nossa vida tem duas grandes velocidades: muito devagar e muito rápido. Se pensarem bem, quando somos menores estamos sempre ansiosos que chegue o dia do nosso 18º aniversário. E depois desse dia chegamos à conclusão que é melhor o tempo parar.

Até aos 18 anos o tempo passa devagar. Depois dos 18, o tempo passa a correr e os anos vão-se sucedendo. Sem parar e sem dar tréguas. A ânsia de cada um de nós dá este resultado porque parece que tudo se passa ao contrário. Quando queremos que passe rápido, passa devagar, quando queremos que o mundo gire um pouco mais lentamente, acontece precisamente o oposto.

A verdade é só uma: o mundo não pára de girar. Ao mesmo ritmo mas diferente aos nossos olhos.

Sem comentários: